Física

MUSE: The Cosmic Time Machine

CNRS Images / França / 2017 / 35’

Este filme conta a história por trás da criação do projecto MUSE, porque foi necessário, como nasceu após uma fase de desenvolvimento que levou nove anos. Destaca a cooperação internacional europeia necessária para a realização do projecto e a participação de centenas de investigadores, técnicos e engenheiros. Discute-se a tecnologia inovadora MUSE e a ciência de primeira linha, bem como o processo de instalação e o momento em que foi dada luz verde ao projecto.

MUSE é um dos mais ambiciosos projectos astronómicos do nosso tempo. Apresentado em Janeiro de 2014, utiliza 24 espectrógrafos 3D para analisar largas áreas do céu e uma enorme quantidade de ondas de vários tipos. Cada um dos 24 cubos de dados produzidos pelo MUSE numa só observação, é tão rico em informação que os investigadores necessitam vários meses para analisar integralmente os conteúdos até publicarem os resultados.

Com instrumentos como o MUSE, utilizando tecnologia de ponta, o observatório do sul da Europa encontra-se na linha da frente da pesquisa astronómica. O filme mostra como desde a concepção do MUSE, astrónomos têm podido estudar o Universo com mais detalhe que nunca. De facto, não há mais nenhum instrumento actualmente disponível que seja melhor direcionado para a observação das galáxias mais distantes e espera-se que produza resultados de enorme qualidade para as próximas décadas.

Realização: Claude Delhaye, Christophe Gombert (CNRS)
Investigação: Roland Bacon